Amanhã destacamos
Inflação e Riksbank

Amanhã destacamos Inflação e Riksbank

Os destaques desta terça-feira são a divulgação de dados da inflação, desta vez no Japão e no Canadá e a primeira reunião da semana de um banco central para decidir sobre taxas de juro.

No Japão o consenso aponta para que a inflação se mantenha nos 2,6%, apesar da queda nos preços da energia, com a inflação core a aumentar de 2,4% para 2,7%.

A inflação mensal no Canadá deverá mostrar um recuo de 0,01%. No comparativo anual os preços, que recuaram em Julho de um pico de 8,1% para 7,6%, deverão em Agosto mostrar novo abrandamento, desta vez para 7,2%, com a inflação core, sem alimentação e energia, a poder permanecer estável nos 5,5%.

O Riksbank, na Suécia, é o primeiro da semana a reunir e deverá seguir os passos do Banco Central Europeu e aumentar esta terça-feira a sua taxa de juro em 75 pontos base, dos actuais 0,75% para 1,50%.

Mas há mais.

Esta noite teremos o Reserve Bank of Australia a divulgar as minutas da sua última reunião, onde o mercado irá tentar conseguir alguma pista relativamente ao seu ritmo de aperto monetário.

Pela manhã, na Suíça teremos dados da balança comercial e as Previsões Económicas SECO.
Na Alemanha iremos ter mais dados da inflação, desta vez o Índice de Preços no Produtor, que deverá baixar de 5,3% para 2,1%.
Na Zona Euro iremos ter os números da conta corrente.

À tarde, nos Estados Unidos iremos ter a divulgação dos números das Licenças de Construção e do Início de Construção de Casas.

Iremos ter ainda no final da tarde uma intervenção verbal de Christine Lagarde num evento organizado pela Sociedade de Frankfurt para o Comércio, Indústria e Ciência.


O que pensa sobre este tema?